#184 Novo capitalismo: velho normal – com Startup da Real

Saudações pessoas! Nesse episódio o Viracasacas recebe Startup da Real (no Twitter @ startupdareal) para uma conversa sobre como a febre do empreendedorismo de palco funciona como uma máquina de
propaganda do capitalismo tardio. Auto-ajuda sempre foi um gênero muito popular no Brasil e no mundo, mas sua forma e seu crescimento na atualidade têm uma relação íntima com as políticas de precarização
do neoliberalismo. A criação de “cases de sucesso” artificiais e a cultura de glorificação do risco alimentam um indústria de venda de soluções impossíveis, que servem ao duplo propósito de enriquecer seus arautos e perpetuar uma ideologia baseada na espetaculização do capitalismo tardio. Enquanto as novas tecnologias continuam a erodir os muros que separavam a vida privada do trabalho, uma nova fronteira da exploração do trabalho se abre através da promoção de medicamentos e drogas que prometem melhorar sua performance. O desejo de construir algo é compreensível… e nada disso incluir jogar sua vida pela janela para colocar dinheiro no bolso de gurus do sucesso fácil.

 

PS: Nosso convidado é best seller!! 

Já conhece o “Este livro não vai te deixar rico”  ?

Dicas Culturais

(Documentário) Fyre Festival: Fiasco no Caribe

(Filme) A Noite dos Desesperados

(Livro) Sociedade do Cansaço

(Livro) 24/7 – capitalismo tardio e os fins do sono

(Video) The Late Capitalism of K-Pop

(Video) Cuck Philosophy

 

#183 – “O dossiê ozônio” com Nada Tá Bom Nunca

Saudações pessoas!

Estamos chegando, mas não é com os refrescos. De novo contando com as presenças incríveis de Moara Juliana , Vítor Santi e Bruno “Tucho” Ferreira, o glorioso podcast do olho parado, Nada Tá Bom Nunca – carinhosamente conhecido como NTBN – chega de novo junto com a gente para cruzarmos a fronteira e adentrarmos nos meandros desse lugar maluco em que se transformou o país que habitamos. Twin Peaks é mato!

Entre pessoas recomendando ozônio (é, aquele, da camada – e do buraco) como tratamento não muito convencional, passando por um Ministro da Justiça terrivelmente aparelhado e advogado privê de alguns teleamigos presidenciais, estamos mais uma vez em looping da desgraça: sobra para Damares, Pazuello, Moro e Alicia Silverstone (sim, acredite). Tem dossiê mal explicado voando para lá, e gente correndo do país para cá. Não tente entender, só tome a pílula azul: isso, a azul, você vai precisar de energia por aqui, jovem.

 

Siga o NTBN no Twitter! E a Moara, o Vitor e o Tucho!

Dicas Culturais:

Vírus – Rádio Comunitária

Lorena – documentário

O Mundo da Sinuca – vídeos

Umbrella Academy – série

Queime Depois de Ler – filme

Violet bent backwards over the grass – disco

 

#182 Capitalismo de plataforma e Bolsa de cancelamentos – com Moysés Pinto Neto

Saudações pessoas! Nessa semana o Viracascas traz novamente nosso querido amigo Moysés Pinto Neto (no Twitter: @ moysespintonet0), pesquisador e professor de filosofia e educação, para uma conversa sobre a internet das redes sociais, a cultura de (sub)celebridades e cancelamentos, as esperanças cyber-libertárias das década de 1990 e 2000, e como vivemos num mundo que já é inseparável de sua contraparte “virtual”.

Em 2020, o ano oficial do cyberpunk, estamos diante de um mundo no qual o Vale do Silício reorganizou o capitalismo a partir de uma economia da atenção sobre a qual evaporam as distinções entre o material e o simbólico. Entre os efeitos nefastos e imprevisíveis de mudanças acelerados, vivemos também os efeitos da absoluta falta de responsabilização dos bilionários da informação sobre os males que causam na sociedade e sua recusa veemente por qualquer tipo de regulação. Nossa interação com a internet é mediada por desejos e compulsões, numa batalha entre os algoritmos e nossas emoções nos níveis social e individual… e isso tudo É MUITO BLACK MIRROR.

Dicas Culturais

(website) Transehub

(podcast) Viracasacas 41 – Redes de Desesperança – como Moysés Pinto Neto

(vídeo) Tudo que você sempre quis saber sobre ACELERACIONISMO e não sabia a quem perguntar

(podcast) Rabbit Hole

(podcast) Your Undivided Attention

(série) Too Old to Die Young

(música) Kraftwerk – The Man Machine

(HQ) Wytches

(autor) Haruki Murakami

#173 (Conversas da Quarentena) Covid 19 South American Tour – com Everson Fernandes

Saudações pessoas! Nesse episódio o Viracasacas recebe ele, o SENTINELA ORIGINAL, o primeiro a ler notícias, acompanhar in loco e nos passar informações sobre a pandemia no Twitter: Everson Fernandes (@ _evso)! Brincadeiras a parte, nesse episódio conversamos sobre pesquisadores de humanidades na saúde, as primeiras notícias que vieram da China, o negacionismo de parte da classe médica, a COVID nos países latino americanos e como nós, pobres brasileiros, estamos fodidos no reino da besta fera. Discutimos porque era melhor com Mandetta do que sem – pois é! Por quê diabos os Brasil insiste em abrir o comércio enquanto os casos ainda crescem? Quantas mortes serão necessárias? Para onde o Brasil vai nessa crise sem fim? Pegue uma caroninha nesse carro movido a urânio e vamos escutar a trilha sonora do fim do mundo.

 

#168 – AO VIVAÇO volume 3

Viracasacas #166 – AO VIVAÇO – terceira e última parte!

Saudações pessoas! Sejam bem-vindos ao mais longo, gratificante e caótico episódio do Viracasacas Podcast. Na nossa segunda live (sim, teve outra!) trouxemos convidados especiais, falamos sobre a conjuntura política e as pandemias brasileiras e divulgamos um bocado de ações importantes para mitigar o sofrimento de populações vulneráveis durante a pandemia. Contamos com a presença de Alcysio Canette, Izabel Nuñez, Moara Juliana, Vitor Santi, Virgínia Tamarindo, Gabriel Dread, Tatiana Vargas Maias e Fabrício Pontin. Além de Carapanã e Gabriel Divan, contamos também com a presença de Thiago Corrêa e Guilherme Toscan, queridos integrantes da equipe Viracasacas. Falamos sobre Trump, Bolsonaro, rinha de gado, Sir Gil Moro, esquerdas, protestos pró-vírus e o clima de dupla desgraça que se abate sobre o Brasil. Mas como tudo tem um lado bom (?) imaginem como será a próxima temporada de O Mecanismo? Ao fim de quase 3 horas lançamos a campanha BRASIL GOSTOSO e curtimos o glam rock de Wanderley Andrade! ÊÊÊÊ BOOOOIIIII!

Segue a gente no Twitter!

Nossa página na pior rede é: facebook.com/viracasacaspod Também temos um canal no Youtube youtube.com/viracasacas

O programa é editado pelo

A arte da capa é feita por

Mentor e guia espiritual –

Lista de Campanhas de Solidariedade na Pandemia 

Médicos sem Fronteiras – https://bit.ly/2z7cNMa

https://www.msf.org.br/doador-sem-fronteiras?gclid=Cj0KCQjw17n1BRDEARIsAFDHFexZOfHwjPv8BW2uYaB3zDmfrYOFIwQcPMTAD6mT3WcYcKYNKeY9V7AaApzIEALw_wcB

Fundo Manaus Solidária – https://bit.ly/3daiEPK

https://manaussolidaria.manaus.am.gov.br/

Lista de Campanhas Povos Indígenas contra a COVID-19 – https://bit.ly/2W0mR2P

https://covid19.socioambiental.org/

A Fome não pode Esperar! Doe para os povos indígenas no Estado de São Paulo – https://bit.ly/2yf3Twp

https://covid19.socioambiental.org/node/363

Colabore com povo Xakriabá frente à pandemia – https://bit.ly/35uiAHL

https://www.vakinha.com.br/vaquinha/colabore-com-o-povo-indigena-xakriaba-frente-pandemia-covid_19

Apoie os povos indígenas na Luta contra o COVID-19 – https://bit.ly/2yntjYC

https://www.vakinha.com.br/vaquinha/apoie-os-povos-indigenas

Projeto Fomenão – https://bit.ly/2KX1Uzi

“O projeto #FOMENÃO é uma iniciativa dos Servidores Públicos Estaduais de Meio Ambiente de Minas Gerais que se iniciou em Março/2020 com a distribuição de cestas básicas às famílias mineiras que necessitam de uma ajuda neste momento tão difícil.

http://sindsemamg.com.br/projeto-fomenao/

Solidariedade SP contra o Coronavírus – https://bit.ly/3fhwOAz

https://www.solidariedadesp.org/

Voz das Comunidades – Pandemia com Empatia – https://bit.ly/2yqV3eX

https://www.vozdascomunidades.com.br/pandemia-com-empatia/

Mães da Favela – CUFA – https://bit.ly/2VYYlPt
https://www.maesdafavela.com.br/

Ajuda aos professores da EMEF Vila Monte Cristo, que fica no centro de uma comunidade carente do bairro Vila Nova, em Porto Alegre. Eles estão distribuindo cestas básicas. 

https://www.vakinha.com.br/vaquinha/apoio-comunidade-emef-vila-monte-cristo

COMUNIDADE VIVA SEM FOME é uma campanha com o propósito de atender famílias residentes em Belo Horizonte e RMBH. Em um segundo momento, poderá ser avaliada a possibilidade de implementação em cidades do interior do Estado.

http://comunidadevivasemfome.org.br/

Ajude os catadores do Cataki a preservarem a saúde e a renda durante a pandemia de coronavírus!

https://www.catarse.me/renda_minima_catadores

Sobrevivendo ao Corona – SP. 

https://www.instagram.com/sobrevivendo_ao_corona/

Rede de solidariedade das mulheres de Manaus contra a pandemia do coronavírus tecida por mulheres do Fórum Permanente de Mulheres de Manaus (FPMM), Observatório da Violência de Gênero no Amazonas, Coletivo Luisa Mahin e Coletiva Banzeiro Feminista.

https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-a-rede-de-solidariedade-das-mulheres-de-manaus

O Grupo Escoteiro Marechal Rondon (DF) está em campanha para arrecadar cestas básicas que serão distribuídas aos que precisam durante o período de enfrentamento às restrições impostas pela COVID-19

http://rondon.org.br/covid

 

#160 (Conversas da Quarentena) – PRIORIDADE$, com Guilherme Toscan

Saudações pessoas! Hoje recebemos Guilherme Toscan (@ guitsocan), prata da casa que é economista, técnico e o fazedor das capas desse podcast. Hoje vamos discutir as consequências econômicas da pandemia e quais medidas o governo federal (não) está tomando. O Ministro da Economia, Paulo Guedes, preferiu falar para seus coleguinhas do mercado financeiro a traçar um plano claro para guiar o Brasil nesse momento difícil.

Até outro dia sua fala mais marcante era a previsível lorota de que “as reformas eram o melhor remédio contra o coronavírus”. Esse momento peculiar no cenário mundial parece apontar para um desgaste final do modelo do neoliberalismo como imaginado na Era Thatcher-Reagan, e novamente nos vemos diante de uma situação onde a única real de intervenção na economia parte dos Estados. Mais do que o falso dilema entre “vidas” e “economia”, alardeado pelas elites brasileiras que não querem perder nenhum centavo na crise, é preciso entender como essa intervenção estatal deve se dar e como os Estados poderiam se organizar para proteger os mais vulneráveis e mitigar os efeitos de uma crise inadiável – tais como a ampliação da seguridade social e políticas de proteção a
micro e pequenas empresas. E o Paulo Guedes? O ministro sem qualquer experiência na coisa pública continua sua saga: tchutchuca no trato dos bilionários, tigrão nas costas dos trabalhadores.

Dicas Culturais

(Livro) “Solitary Fitness” por Charles Bronson

(Livro) “Crash: uma breve história da economia” por Alexandre Versignassi

(Jogo) Final Fantasy VI (SNES, PSX, NDS)

 

#159 (Conversas da Quarentena) – HAJA PANELA! com Elisa Cruz

O Viracasacas tem a honra de trazer Elisa Cruz, Defensora Pública no estado do Rio de Janeiro, Doutora em direito civil e podcaster no OlharesPodcast. Inicialmente a nossa intenção era conversar sobre o trabalho da defensoria e a situação do Rio de Janeiro em meio à pandemia, mas fomos interrompidos por panelas, gritos e um pronunciamento à nação digno de um absoluto imbecil. Jair Bolsonaro, ao que tudo indica, quer ter todo o poder de um presidente – enquanto sonha ser um ditador – mas não se digna a trabalhar. Perdido em seu mundinho de aduladores servis e intriguinhas palacianas ele coloca as vidas de milhões de brasileiros em risco se negando a tomar medidas de controle epidemiológico e mitigação dos absurdos impactos econômicos e sociais que o novo coronavírus já está causando. Falamos sobre a disfunção atual, a dura realidade das periferias cariocas e sobre a irresponsabilidade como forma de governo.

Dicas Culturais
(Livro) Bell Hooks – O Feminismo é para Todo Mundo

(Podcast) Passadorama – Matando Bebê Hitler

(Livro) O Livro dos Prazeres

(Série) The Outsider

 

#158 (Conversas da Quarentena) – PresidentEvil – com Caio “Bluehand”

Na segunda edição das Conversas da Quarentena o Viracasacas conta novamente com a presença de Caio Boiteux, mais conhecido como Bluehand, para discutir alguns aspectos políticos do novo coronavírus, no Brasil e no mundo. Líderes de direita nesse momento balançam entre a negação da gravidade da crise e uma retórica agressiva que tenta culpar China pela pandemia – ao mesmo tempo em que evitam a todo custo tomar as mesmas medidas que o governo chinês tomou para contê-la adequadamente. A verdadeira crise talvez seja a incompetência… ou talvez esse seja o projeto?

Ainda deu para lembrar daqueles ‘bons tempos’ (que parecem ter sido vividos há duas décadas), onde senadores irrompiam em motins com retroescavadeiras – e onde um médico tratar presidiárias como seres humanos gerou polêmica. Que época louca era aquela, não?

Ps: Bluehand ainda não deu hoje a quantidade de passos recomendável dentro de seu apartamento (de onde vê as ruas do Rio de Janeiro repletas de idosos aglomerados), mas já fez sua sessão de rema-rema.

Episódios e matérias citadas
Viracasacas #118 Chernobyl – com Bluehand

Dica Cultural
(Filme) Variola Vera

#154 – Crise: modo de usar – com Acácio Augusto

Nessa semana recebemos novamente Acácio Augusto, professor de Relações Internacionais da Unifesp, para comentar as estranhas e recorrentes “crises” do governo Bolsonaro e suas reações (ou a falta delas). Por que o bolsonarismo atacaria os Congressistas responsáveis por aprovar as tão sonhadas reformas de seu governo? O que Ministro da Justiça faz apoiando tacitamente policiais amotinados (e passeando em tanque de guerra para perseguir organizadores de festival de punk rock)? O que diabos empresários e comentaristas políticos fazem dentro de um grupo de marketing em defesa do Presidente da República? As respostas para essas perguntas são elementares e factuais mas o contexto que as produz não é. Nesse episódio falamos sobre o fim de um ciclo “democrático” do neoliberalismo, sobre a crise como um modo de governo e como, na atual conjuntura, o Estado brasileiro passa a ser portar como um bando armado.

Há saída diante de um quadro acentuado onde há um a convocação de ares golpistas cada vez menos disfarçados proliferada pelo próprio presidente através das redes sociais de onde ele governa no seu estilo único de confusão entre público e privado? Como diz o poeta: ‘descubra’.

 

Nos siga no Twitter : @ viracasacas   @ FelipeAbal   @ carapanarana  @ gabrieldivan – e siga o Acácio! : @ acacio1871

Apoie o Viracasacas : http://www.apoia.se/viracasacas 

Escute a gente no Spotify, no Soundcloud, no Deezer, no Itunes e no seu agregador de podcasts preferido!

 

Links de reportagens e textos citados

“Empresário sugere impulsionar vídeos com ataques ao Congresso “

“Maia reage a empresários de serviços e defende reforma tributária da Câmara”

“Bolsonaro defendia orçamento impositivo quando era deputado”

“Em grupo com secretário de Guedes, empresário anuncia que vai financiar atos”

Entrevista – Piero Leirner

Dicas Culturais do episódio!

(Texto) Bolsonarismo como ideologia – por Erick Kayser

(Livro) 07 notas sobre o apocalipse ou poemas para o fim do mundo – Tatiana Nascimento

(Livro) Nas Ruínas do Neoliberalismo: Ascensão da Política Antidemocrática no Ocidente – por Wendy Brown

(Documentário) American Factory

(Filme) Uncut Gems

Acima ↑