#190 Liberdade de aluguel – com Tiago Soares

Saudações pessoas! Nesse Viracasacas recebemos Tiago Soares , jornalista e historiador, para uma conversa sobre o liberalismo enquanto projeto político e suas transformações ao longo do século XX e XXI. Falamos sobre o liberalismo enquanto um projeto político amplo, que foi da apologia da escravidão dos liberais clássicos, passando pelo keynesianismo e desaguando nas praias do laboratório de destruição que foi o pinochetismo. O neoliberalismo, a renovação do laissez-faire efetivado através do fusionismo com frentes conservadoras, deu o tom nas últimas décadas do século XX – embalado pela tese de um “fim da história” – e chegou a conquistar uma face “progressista” pelas mãos do New Labour Inglês. As aventuras militares dos EUA no Oriente Médio (que contaram com a ajuda do New Labour) e a Crise de 2008 enterraram essa fase áurea do neoliberalismo e abriram caminho para radicalização dos componentes mais autoritários do liberalismo. Num tempo em que política, ideologia e identidade se confundem, há como prescindir do liberalismo num debate à esquerda? A social democracia foi um projeto da democracia liberal? Como se tornou moral publicar artigos defendendo venda de órgãos? O atual momento político no Brasil é ilustrativo do estado da arte no mundo: pulsão de vida na base da pirâmide, pulsão de morte no topo. A destruição do contrato social tem um preço.

Dicas Culturais

(Jogo) Earthbound

(Livro) Infinite Detail

(Podcast) As Regras do Jogo

(Filme) Sacrifício do Cervo Sagrado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: